Maio Casa de Conteúdo - Beatriz Vichessi, jornalista

Palavras com propósito

 
Nossa história
Depois de(a) Abril, vem (a) Maio

Embora caia bem para o storytelling da marca, não faz sentido dizer que abrir uma empresa era um sonho antigo meu. Também não vou mentir que ela nasceu porque farejei uma necessidade de mercado. Nada disso.

A Editora Abril, onde trabalhei por mais de uma década, sempre correspondeu a minhas ambições profissionais enquanto foi a maior editora de revistas da América Latina. Tal como a Fundação Victor Civita, onde fiquei a maior parte do tempo no Grupo Abril, sempre me fez uma jornalista realizada na cobertura de Educação.

A verdade é que depois de 11 anos de relacionamento estável, todas mudamos. A Abril e a Fundação deixaram de ser o que antes eu enxergava gigante. Ao mesmo tempo, passei a me sentir desafiada por mim mesma a fazer mais que jornalismo e trabalhar num modelo personalizado, atendendo às demandas de acordo com o que cada cliente quer e na medida que precisa, seja ele micro, pequeno, médio ou grande. Na essência, todos são importantes. Também senti vontade de trabalhar às vezes sozinha, às vezes com parceiros, às vezes com colaboradores. Tudo dependeria do que o cliente precisasse.

Nesse cenário, entre 2015 e 2016, enquanto fazia muitos trabalhos freelancers, comecei a cultivar a ideia de criar uma casa editorial do meu jeito, com meus padrões e valores. Com uma filosofia de trabalho elástica. E assim criei a Maio.

O nome, Maio, porque essa Casa de Conteúdo nasce depois da Abril - a casa de conteúdo onde trabalhei (e praticamente morei) por muitos dias, noites, madrugadas, feriados e fins de semana. E Maio porque tenho o compromisso de preservar e oferecer o padrão Abril de excelência e qualidade dos bons e velhos tempos.
 

Nossa essência

Defender a qualidade de nossos serviços não tem a ver somente com a excelência editorial que valorizamos e buscamos incessantemente. Tem a ver também com ter a certeza de que, quando escritas com propósito, palavras têm força para impactar positivamente a vida das pessoas.

Por isso, cada vez que começamos a trabalhar em um projeto ou assinamos a comunicação de uma marca, fazemos o possível para comunicar da melhor forma possível boas notícias, projetos que fazem a diferença, histórias de gente que faz o mundo melhor a sua maneira.

Palavras com propósito é mais do que uma frase de efeito. É a essência da Maio.

 

Nosso trabalho focado em organizações do terceiro setor que atuam no campo de educação é uma forma de demonstrar nosso compromisso com a humanidade. Abraçamos causas, vestimos a camisa de iniciativas que batalham pelo direito à dignidade de cada um e batalhamos por fazer tudo isso ecoar.

 
 
A jornalista
bia-vichessi-1.jpg

Beatriz Vichessi

 

Graduada pela Universidade Metodista de São Paulo e especialista em Sócio-Psicologia pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, atua no mercado de comunicação há mais de 20 anos.

Possui vasta experiência e credibilidade no segmento editorial. Esteve à frente da revista Nova Escola, da Fundação Victor Civita – Editora Abril, por 7 anos como uma das editoras da publicação.

O que fazemos
  • Assessoria de imprensa

  • Conteúdo editorial - reportagem e edição

  • Publieditorial

  • Edição de livros

  • Escrita e edição de material de apoio ao trabalho do professor

  • Relatórios

  • Locução

  • Organização e realização de eventos

 

 
Nossos clientes atuais
Instituto Rodrigo Mendes

Instituto Rodrigo Mendes

 

Organização sem fins lucrativos com 28 anos de existência, que tem como missão colaborar para que toda pessoa com deficiência tenha uma educação de qualidade na escola comum. Seus projetos estão organizados a partir de uma arquitetura baseada em três pilares: produção de conhecimento, formação de educadores e advocacy. Ao longo de sua trajetória, o instituto atendeu mais de 100.000 educadores de todos os estados brasileiros e impactou cerca de 1 milhão de estudantes. Seu portal sobre boas práticas, o DIVERSA, oferece centenas de exemplos de aulas e atividades inclusivas com o objetivo de apoiar profissionais que atuam nas redes de ensino.

Temas: Inclusão de pessoas com deficiência na educação, direito à educação em escola regular, na sala de aula comum, educação especial na perspectiva inclusiva, homeschooling e as implicações para as pessoas com deficiência, ensino e aprendizagem de pessoas com deficiência, políticas públicas, materiais pedagógicos acessíveis, volta às aulas presenciais durante a pandemia, formação docente na perspectiva inclusiva, fundo endowment.

Comunidade Educativa CEDAC

Comunidade Educativa CEDAC

 

Organização social que, desde 1997, trabalha com redes públicas de ensino na formação continuada de profissionais da educação para a oferta de uma educação pública de qualidade para todos. A atuação da equipe compreende as áreas de formação e desenvolvimento profissional de educadores, mobilização da sociedade civil pela educação, assessoria a gestores públicos e produção de conteúdo, publicações e cursos para profissionais da educação.

Temas: Ensino e aprendizagem, políticas públicas, homeschooling, alfabetização, ensino e aprendizagem de matemática, gestão escolar, cotas na educação para acesso à universidade, uso de tecnologias na educação, qualidade da escola pública, volta às aulas presenciais durante a pandemia, formação docente e de gestores escolares (inicial ou continuada), regime de colaboração, abandono e evasão escolar, avaliação em larga escala, etc.

D3e - Dados para um Debate Democrático na Educação

D3e - Dados para um Debate Democrático na Educação

 

Associação civil sem fins lucrativos que colabora para o aprimoramento do debate educacional brasileiro e para a qualificação do uso do conhecimento científico no desenvolvimento de políticas educacionais fundamentadas e consistentes, que promovam educação equitativa e de qualidade no Brasil. Saiba mais sobre o D3e em nosso Relatório de Atividades 2021.

Temas: Uso de dados e evidências robustas para embasar o debate sobre políticas públicas, tecnologias na educação, formação de diretores, volume de trabalho docente, aprendizagem híbrida, escolas conveniadas e pagamento de bônus para professores.

Conectando Saberes

Conectando Saberes

 

Rede de apoio sem fins lucrativos formada por 900 profissionais de educação de todo o Brasil reunidos em 89 núcleos regionais, para fortalecer a profissão e construir em conjunto soluções para os desafios da escola pública. Desde 2015, a rede funciona com encontros presenciais e virtuais e seus participantes compartilham aprendizados, angústias, obstáculos e vitórias com colegas. Em 2021, realizou a pesquisa Vozes Docentes com 8.700 respostas de professores de escolas municipais de 87 municípios que fazem parte da Rede Conectando Saberes, sobre prioridades e ações na educação de cada localidade. A Conectando Saberes tem apoio da Fundação Lemann.

Temas: Profissão docente, relação aluno e professor, prioridades da educação no Brasil, ações para educação durante a pandemia, qualidade da escola pública.

Rede Brasileira de Aprendizagem Criativa

Rede Brasileira de Aprendizagem Criativa

 

Criada em 2015, a partir de uma iniciativa do Massachusetts Institute of Technology (MIT) junto à Fundação Lemann. É um movimento do terceiro setor que trabalha para o fortalecimento da educação pública por meio da Aprendizagem Criativa. Conta com uma comunidade de mais de 5000 membros entre educadores, artistas, pesquisadores, empreendedores, alunos e outros interessados na implementação de ambientes educacionais mais mão na massa, criativos e interessantes nas escolas, universidades, espaços não formais de aprendizagem e residências de todo o Brasil. Atualmente, a principal iniciativa da RBAC é o Programa Escolas Criativas, que atua para incentivar a adoção sustentável de práticas mais criativas, mão na massa e relevantes para os alunos de 10 redes públicas do Brasil, incluindo a rede paulista. O programa prevê impactar 500 mil alunos até 2024, alcançando 17 redes de educação.

Temas: aprendizagem criativa, protagonismo estudantil, formação de professores, criatividade, mão na massa, uso de tecnologia na educação.

 
 
Como fazemos
Como a Maio Casa de Conteúdo funciona?

Trabalhamos para o cliente de acordo com as necessidades dele, sem impor a contratação de uma estrutura engessada. Nosso negócio e filosofia de trabalho seguem um modelo elástico: de acordo com o perfil do trabalho, as expectativas e necessidades do cliente, a Maio se transforma, aumentando ou diminuindo sua estrutura - mas tendo sempre à frente a jornalista Beatriz Vichessi, que supervisiona, assina e responde por todos os conteúdos e serviços fornecidos.

Por que contratar o serviço de uma estrutura inchada se o que você precisa é de um jornalista somente? Por que trabalhar com pouca gente se o que você precisa é uma estrutura plural?

A Maio Casa de Conteúdo simplifica as coisas e desenha a equipe essencial, apresentando um orçamento justo.

Portfólio
Com quem gostamos de trabalhar
instituto-rodrigo-mendes-logo.png
fcb-escola-logo-branco.png
Instituto Reúna
Comunidade Educativa CEDAC
instituto-paulo-gontijo.png
british-council.png
uol.png
uol-content-lab.png
instituto-natura-branco.png
JeffreyGroup-Logo-branco-Text-No-Backgro
Dados para um Debate Democrático na Educação (D³e)
Conectando Saberes
Rede Brasileira de Aprendizagem Criativa
Movimento pela Base
Instituto Sonho Grande
Instituto Península
 
 

Contato

maio-casa-de-conteudo-logo-3.png

Beatriz Vichessi

 

bia@maioconteudo.com

+ 55 11 9 8303 22 33

Sua mensagem foi enviada com sucesso. Entraremos em contato em breve. Obrigado!